Opinião - Vasco, Cruzeiro e Botafogo apagam a derrota do Flamengo

Gostaria de falar da goleada do Santos, sobre o Flamengo, justa e merecida, o time de Jorge Jesus não conseguiu jogar, foi batido inapelavelmente pelo time de Sampaoli. Gostaria de falar sobre o vice campeonato conseguido pelo Santos, de forma brilhante, com elenco limitado e com um trabalho fantástico do treinador. 

Gostaria de falar do sucesso do Ceará, jogando fora de casa e conseguindo a permanência na Séria A. Gostaria de falar da vitória do Fluminense, sobre o Corinthians, fora de casa, garantindo uma vaga na Sul Americana.

Porém, tem sempre um porém, o Cruzeiro, o Vasco e o Botafogo não me permitem a tecer comentários que não sejam sobre as tentativas frustradas destes três conseguirem seus objetivos nesta última rodada do Brasileirão 2019. O que pretendiam estes três? Perguntaria o leitor/seguidor do blog. 

Eu respondo. O Cruzeiro queria não cair, mas fez um jogo ruim. mais uma vez, comprovando que desde a saída do Mano, a queda do Rogério Ceni, provocada pelo Tiago Neves e sua turma, e hoje decretou sua queda, mas o que me leva a dizer que o resultado do Flamengo foi esquecido pelo vexame da torcida, vandalismo e violência nas arquibancadas e no entorno do Mineirão, fizeram com que a derrota acachapante do Flamengo, na Vila Belmiro, fosse esquecida. 

E tem mais, o Vasco pretendia quebrar o recorde de público no Brasileirão 2019 e vencer a Chape na despedida da temporada. Não quebrou o tal recorde e não venceu no Maracanã, resultados que frustaram os 172 mil novos sócios vascaínos que pensaram que iriam fazer a diferença. E o Botafogo? Ah! O Glorioso pensava em jogar a Sul Americana, no ano que vem, mas para isto precisava vencer o Ceará, no Niltão, e torcer contra o Fluminense, e não conseguiu nem um nem outro. 

E aí o torcedor, que pensa somente na sua equipe, não tem o que comemorar, apenas o Tricolor Carioca, que foi o único a vencer entre os quatro do Rio, faz a festa dos cariocas no domingo, vai jogar a Sul Americana, mas se não arrumar a casa fará o vexame logo no primeiro mata-mata.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Vitinho brilha no empate com o Vasco em Volta Redonda

Mais um adeus: Ricardo "Gagão" Padilha já é saudade.

Kátia é saudade eterna, adeus, amiga.