Liga dos Campeões começa com muitos gols

Conforme eu previ, no comentário abaixo, sobre a Liga dos Campeões da Europa, a primeira rodada foi realmente um belo cartão de visitas para quem segue a Champions com devoção, como este que vos escreve, e quer ver jogos de alto nível e quando um dos gigantes pega uma "baba" não tem este negócio de poupar ou de tirar o pé, é golear para mostrar força, como fez o PSG, na Escócia, contra o tradicional Celtic, e o Chelsea, em Londres, contra o fracote Qarabab. 

Foram 28 gols em oito jogos, apenas um 0x0 e neste jogo a grande figura foi o goleiro brasileiro, Alison, da Roma, que parou o ataque do Atlético de Madri na partida realizada na capital romana. Vinte e oito gols divididos entre os ataques mais poderosos da Europa, como o do PSG, que marcou cinco no Celtic, Neymar fez um apenas, como o do Chelsea, que enfiou 6x0 no pobre/rico time do Azerbaijão. 

Não faltaram surpresas, se é que podemos chamar assim os resultados entre equipes de igual quilate, como a vitória do CSKA Moscou, em Lisboa, sobre o Benfica, por 2x1 ou a do Sporting Lisboa, em Atenas, sobre o Olimpiakos, por 3x2 após fazer 3x0 no primeiro tempo, mas o Manchester United não quis dar chances para a zebra e bateu, no Oll Trafford, o ajustado time Basel, da Suíça, e, no outro jogo de resultado previsível o Bayern, em Munique, venceu o Anderlecht, da Bélgica, pelo clássico 3x0. 

Deixei para o final o jogo que assisti na íntegra, os demais eu apenas dei uma passada, via celular, mas Barcelona e Juventus merecia algo mais, muitos craques em campo e duas das mais fortes equipes da última temporada e muita tradição em campo. Foi um jogo de boa qualidade técnica, posse de bola da Juve menor do que a do Barça mas o ataque do time italiano levava mais perigo ao gol dos catalães, mas Messi liquidou um tabu, jamais havia feito gols em Bufon, e hoje marcou dois da vitória por 3x0 sobre os vices campeões da temporada passada jogando no Camp Nou. 

Amanhã tem mais e tem Real Madrid, o atual campeão, jogando em Madrid, contra o Apoel, mas este não será o jogo que assistirei, prefiro ver o Liverpool contra o Sevilha, mas isto eu conto em outra hora. 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Vitinho brilha no empate com o Vasco em Volta Redonda

Mais um adeus: Ricardo "Gagão" Padilha já é saudade.

Kátia é saudade eterna, adeus, amiga.