Postagens

Mostrando postagens de Dezembro, 2016

E lá se foi 2016 e que venha um novo ano. Feliz 2017

Queria encerrar o ano com um comentário correto e verdadeiro sobre as perspectivas dos clubes cariocas para a temporada 2017, porém, tem sempre um porém, não há novidades, exceto aquelas que já contamos por aqui sobre Vasco e Botafogo, que apresentaram, oficialmente, Escudero e Montillo, e nada mais a declarar. 

Portanto, o que nos resta, é dizer que o ano de 2016 acabou e, se não fosse a grande tragédia com a Chapecoense, teria sido um ano espetacular e bastante proveitoso para o nosso futebol, foi ano do Ouro Olímpico, do ótimo Brasileirão e de renascimento do futebol do Rio de Janeiro, com Flamengo e Botafogo chegando a Libertadores e o Vasco voltando a Elite e o Fluminense com o título da Primeira Liga.

É, nem tudo foram flores e renascimento, teve a Ferj insistindo nos erros e a teimosia de seus dirigentes, apoiados pelo Eurico Miranda, fazendo de tudo para transformar o antigo mais charmoso campeonato estadual do Brasil em caos total. 

No mais foi um grande ano para o escriba, no p…

Papo de Bola - Não vejo euforia e sim uma grande expectativa do torcedor do Rio

E Fernandinho, leitor assíduo do diário Lance!, impresso, diz francamente: - Não vejo a hora de chegar o dia dois de janeiro, esta turma do jornal está brincando com o torcedor acreditando que nós somos trouxas. 

Cheguei mais perto e perguntei o que é que o aborrecia tanto. E o tricolor, amigo de longa data, me diz que - Dutra, não aguento mais ficar lendo sobre a vida pessoal destes jogadores, o que eles fazem, o que ou quem eles comem, saber destas peladas, não as mulheres que são sempre bem-vindas, mas a aquelas beneficentes e cheia de artistas e caneludos. Um porre ter que aguentar isto enquanto não informam nada sobre meu Fluminense, desabafa o amigo no Armazém. 

Verdade, me parece que as assessorias de imprensa dos clubes entraram em férias e ninguém fala nada de contratações, apenas o Botafogo confirmou Montillo, grande reforço, e o Vasco afirmou que Escudero é o grande presente de Natal, e Fernandinho espanta com as duas novidades e diz aquilo que já disse aqui anteriormente: 

- …

Bicudo: "Cheirinho de um novo Cirino no ar".

Bicudo, em férias em Guaxindiba, me envia um torpedo via celular dizendo: - Chefia, estou sentindo o cheirinho de Marcelo Cirino no ar, Nem precisei imaginar o que o amigo dizia e entendi perfeitamente a sua colocação, afinal pensamos igual, assistimos aos jogos lado a lado na minha sala e, claro, sei o que pensa o veterano amigo recém aposentado. 

O que Bicudo quis dizer? Fácil. Estão anunciando a contratação de Marinho, ex-Cruzeiro, por onde passou e não rendeu nada, e que e tem compromisso com o Vitória/BA e alvo de 10 entre 10 times brasileiros da Série A e, voltando dois anos no tempo, para explicar o cheirinho de Marcelo Cirino, citado pelo amigo, o atacante do Atlético Paranaense também era pretendido por 10 times da Série A e acabou no Flamengo e o que ele fez, ou não fez, todos flamenguistas ou a turma do Arco Íris sabe, nada de produtivo. 

Para diminuir o impacto de ter três deste estilo o Flamengo deveria incluir Gabriel e Cirino na negociação e assim ninguém sentiria o grand…

Ferj e Klefer estão em rota de colisão. Flamengo assiste de camarote

Apesar do texto truncado e confuso, na Coluna do Anselmo, no Globo Online, entendemos que a Ferj está segurando uma tremenda "banana" com relação a comercialização das placas de publicidades estáticas, que sem o CR do Flamengo, não estão sendo negociadas pela empresa de Klefer Publicidades. 

No texto do Anselmo, no jornal online, diz que a Ferj entrará na justiça para conseguir a reformulação do contrato, mas no meu entendimento quem entrou na justiça foi a Klefer, que pegou a bananosa e não consegue um lucro decente, logo Kléber Leite, o dono do negócio, acostumado a ganhar rios de dinheiro com o CR do Flamengo. 

O que venho comentando, há algum tempo, é por aí os clubes não aproveitam a força que tem e não sabem conduzir as negociações com a Ferj ou com a Globo e, quando um entra como aliado, caso o Fluminense fez com o Flamengo, é persuadido a deixar o caso em troca de benefícios para seu clube. 

Não sei aonde vai a briga, mas sei que a Ferj deve estar tremendo de raiva e ir…

Papo de Bola: Dica para Zé Ricardo.

Olhando o Chelsea, de Antonio Conte, o italiano que montou a Juventus/Turim em um  bom time de futebol, olhando o Moses, aquele atacante velocista e improdutivo, jogar como um ala e fazendo partidas excepcionais, fico pensando na possibilidade deste Marcelo Cirino, do Flamengo, ser aproveitado desta maneira no time de Zé Ricardo. 

Mas, pensando como analista e não como torcedor, duvido muito o jovem treinador do CR do Flamengo ousar desta forma e fazer seu time jogar com mais velocidade pelos flanco e repatriar o 3-5-2 para o futebol brasileiro aproveitando Juan, o veterano zagueiro, na sobra e nas coberturas dos alas. 

Se é para manter Marcelo Cirino como opção inútil no banco de reservas creio que o treinador tem duas opções, ou pedir a troca dele por um outro jogador de qualidade, que não seja Marinho, que seria a mesma coisa, ou então ousar e fazer a experiência neste fraco Campeonato Carioca que se aproxima. 


Depois dos boatos natalinos a verdade dos clubes

Passou o Natal e só o Botafogo ganhou  um belo presente dos seus diretores, o cobiçado Montillo chegou, acertou e vestirá a mítica camisa 7 do Glorioso para gáudio do Robinho e do Gervásio Neto, que vibraram intensamente com a contratação do ex-cruzeirense. 

Mas Robinho, esperto e seguidor do noticiário, botou uma dúvida no ar e creio que seja também motivo de análise pela coluna. "Dutra, há um ano atrás o Flamengo e o São Paulo disputaram "a tapa" a contatação do gringo e não houve liberação nem com o pedido do jogador para vir para o Rio, onde seu filho adora e torce pelo Flamengo, Será que um ano depois ele está em forma? Qual o Montillo que jogará no Botafogo, aquele do Cruzeiro ou aquele do Santos?"

Deixe o tempo falar, meu caro Robinho, quando Diego chegou ao Flamengo ouvimos os mesmos questionamentos e as mesmas dúvidas dos "entendidos" da imprensa carioca e o cara se firmou e mostrou que foi uma ótima contratação como deverá ser comprovada pelo Mont…

Feliz Natal

Imagem
E até segunda-feira.

O caminho dos brasucas na Libertadores 2017

O assunto hoje vai render, tem papo sério a ser debatido, o sorteio da Libertadores 2017 deixou o torcedor brasileiro grudado na telinha da televisão, que transmitiu direto de Luque, no Paraguai, a formação dos grupos para a maior competição futebolística das Américas edição 2017. 

O torcedor do Flamengo está se lamentando, acredita, e eu também, que o rubro-negro pegou o único grupo que podemos chamar de "grupo da morte" e que é, sem dúvida alguma, o mais complicado dos oito e o mais indefinido daqueles onde estão os brasileiros. Vejam só o caminho a ser percorrido pelo Flamengo: San Lorenzo, da Argentina, Universidad Católica, do Chile e possivelmente o Atlético Paranaense. 

O Atlético Paranaense vai enfrentar o Millonarios, da Colômbia, e o Botafogo o Colo Colo, do Chile, em dois jogos, ida e volta, e os vencedores ainda terão que passar por uma outra fase eliminatória quando enfrentarão os vencedores de do jogo C8 e C7, que no caso do Glorioso pode até ser o Olímpia, do Pa…

Bicudo desaba do pedestal e desabafa

Bicudo, meu amigo de longa jornada, senta ao meu lado e, reclamando de tudo e de todos, dá um suspiro e diz:

 - Companheiro, estou aliviado, por  um momento eu pensei que era como um deus, infalível, e felizmente me derrubaram do pedestal e me colocaram no mesmo patamar dos mortais. 

Não entendi nada, ou melhor, não quis entender nada e por isto não dei muita conversa ao amigo, que chegou ao Armazém apenas para "filar" a cerveja da quarta-feira, mesmo não tendo futebol a turma se reúne para uma gelada em menor escala na casa do Lenílson, principalmente na semana do Natal, onde há uma confraternização diária no lugar. 

- E aí, ,não vai falar nada? Estou igual a Pelé, tal como Cristiano Ronaldo e Zico, estou como Lula e outros brasileiros que fazem sucesso, mas estou com a alma lavada, afinal reconheceram que tenho defeitos e que não sou infalível. 

Aí eu não aguentei e tive que perguntar ao velho companheiro o que aconteceu. Então Bicudo, quem te derrubou do pedestal? 

- Ah! Pense…

Luto - Morre Carlinhos Manhães o ícone do rádio campista

Mundo dá voltas e a vida nos prega surpresas desagradáveis, saindo para um show, esperado há alguns dias, do meu amigo/ídolo Dom Américo e seu filho Apollo Ramidan, no Boulevard Shopping, dou uma olhada no Facebook para ver novidades e para convidar amigos para o evento, recebo a triste notícia. 

Faleceu Antonio Carlos Manhães, ou simplesmente Carlinhos Manhães, meu velho companheiro da Campos Difusora e um dos ícones maiores do rádio campista. Não tenho detalhes, daqui a pouco eu volto e comento com mais tranquilidade sobre este inesquecível companheiro. 

Santos quer uma seleção de veteranos

O nível do futebol brasileiro é tão baixo que Ribery e Totti, dois jogadores em fim de carreira, que não são mais as grandes estrelas de tempos passados, quando brilharam intensamente no Bayern, na Roma, nas seleções da França e Itália, respectivamente, e o veterano e quase ex-jogador Schweinsteiger, que anda querendo encerrar seu contrato com o Manchester United.

O Santos mostrou interesse nestes três craques e anda veiculando na mídia o pedido de Dorival Júnior, que pelo visto não assiste aos jogos da Europa ou está jogando para a torcida dizendo que formará o melhor e mais velho meio campo do planeta futebol com o alemão de nome complicado, Renato e Toti e uma dupla de ataque com quase 80 anos, Ricardo Oliveira e Ribery, sem contar que Alex, aquele ex-zagueiro, desistiu de vir para Vila Belmiro e encerrou a carreira.





Papo de Bola - Vem aí o Estadual 2017

Na minha andança de hoje, pela manhã, não tenho ido a padaria, estou em regime de boca fechada para compensar no Natal, um velho companheiro de rádio me cobra um comentário em seu programa. 
- Dutra, tenho saudades do papo contigo no rádio, que dia voltará? 

A resposta foi rápida e objetiva: - Quando precisar ligue para mim, mas voltar é complicado, não digo que não voltarei porque não sei o dia de amanhã, mas pelo andar da carruagem  o dia de um retorno está longe demais. 

- Mas você bem que poderia me dar uma "canja" e fazer um comentário sobre o próximo Campeonato Carioca, que este ano terá o Roxinho, pediu o amigo radialista. 

Cheguei à casa e pensei comigo: Ainda não falei uma linha sobre o Estadual do ano que vem, no Rio, apenas comentei sobre a chegada de Joel Santana, no Boavista, e que o Campos Atlético irá jogar a seletiva a partir de janeiro, mas sobre o tema não dei um pitaco sequer porque não tenho novidades e não sei o que ocorre com os chamados pequenos nem mesmo …

Opinião: Um pouco de "europa" fará bem ao nosso futebol

Então é Natal e os torcedores brasileiros pedem, de joelhos, que seus times tenham um pouco de "europa" no jeito de ser e jogar. Até Marina, minha esposa, que anda com peninha de mim por ver jogos sozinhos e começou a dividir a poltrona comigo depois que Bicudo foi embora, já fala como expert no assunto e ontem, durante o jogo City x Arsenal, ela me disse: "Estes times deveriam vir ao Brasil ensinar como se joga futebol ao time de vocês". 

Bingo! Genial a colocação dela, afinal é uma mulher inteligente e que assimila com facilidade todos os ensinamentos, ainda não a vi errar numa indicação de impedimento, sabe tudo mais dez por cento do assunto, e tem toda razão do mundo a Marina, nossos clubes e nossos times bem que poderiam ter realmente um pouco de "europa" na administração e no modo de jogar, venho comentando isto faz um bom tempo e olhando os bons jogos dá uma saudade danada do tempo em que os craques definiam e não os árbitros ou as invencionices dos…

Kashima fez o Real suar para conquistar o Mundial da Fifa

Para quem não acreditava o Kashima Antlers fez um jogo tão igual contra o Real Madrid que, se o árbitro aplicasse a regra do jogo, em um lance de Sérgio Ramos, quando o capitão merengue fez falta para cartão amarelo, e o moço do apito fez menção em mostrar amarelo e, ao descobrir que Ramos já havia sido advertido medrou e voltou com ele para o bolso da camisa, o resultado poderia ter sido diferente. 

O Kashima mostrou um futebol coletivo, bem superior ao do poderoso Real Madrid, mas lhe faltou um Cristiano Ronaldo, que não fez boa partida mas definiu o jogo com três gols, e Benzema, que voltou a jogar um ótimo futebol e, no meu ponto de vista, o melhor do jogo ao lado do artilheiro japonês Shibasaki, autor dos dois gols do Kashima. 

Muitos no Facebook, que me seguem, acreditaram na zebra asiática e até chegaram a comentar que em final não há zebra e os dois são iguais. Menos, minha gente, até que torci pelo Kashima mas chegar ao ponto de acreditar piamente em uma vitória é difícil para …

Copa do Brasil 2017 mudou e eu gostei.

Demorei a comentar sobre a nova Copa do Brasil porque estava interpretando o regulamento para a competição de 2017, que mudou radicalmente e, no meu ponto de vista, deu uma ajuda aos pequenos, muito embora os mais teimosos ou aqueles que discordam de tudo, acreditarem que os nanicos foram prejudicados com a colocação de um jogo único em que o visitante grando visitante e tem a vantagem do empate.

Nas competições anteriores o visitante teria que fazer dois gols de diferença para evitar o jogo de volta, e em, pesquisas me ajudaram, em 70% dos jogos acontecia o resultado de dois gols de diferença e se evitaram os segundos jogos. Então, partindo deste princípio e colocando um pensamento meu, os donos da casa agora podem fazer a chamada "zebra", evitar o segundo jogo na casa do maior e garantir lugar na segunda fase. 

Com isto eu acredito que dois dos três interioranos do Rio, Volta Redonda, que recebe o Cruzeiro/MG, Boavista, que enfrenta o Ceará/CE, e o Friburguense, que joga con…

Decisão em Yokohoma com zebra ou sem zebra?

Domingo, 18 de dezembro de 2016, temperatura na minha rua é de 17 graus no momento em que acordei. Domingo, 18 de dezembro de 2016, dia de zebra no tempo. Domingo, 18 de dezembro de 2016, será este um domingo de zebra no futebol? 

Pouco improvável a vitória dos japoneses sobre os espanhóis daqui a pouco, em Yokohama, no Japão, onde mais de cinquenta mil nipônicos estão agitando as bandeiras do país e esperando esta zebra asiática passear pelos gramados derrubando um dos gigantes do futebol mundial. 

Real Madrid  e Kashima Antlers já estão se aquecendo e daqui a pouco começa a grande decisão do Mundial de Clubes da Fifa. Se tem um favorito este pode ser chamado de Merengue e se tem uma zebra pode chama-la de kamikaze em deferência toda especial aos bravos guerreiros do Japão. 

Será? Não acredito. 

Conversa de Botequim - O esperado encontro de Motta e Sollon

Sexta-feira é dia de reunião no armazém e me rende ótimos papos para nossa coluna semanal e ontem não foi diferente, um grande prazer ter recebido uma dupla carioca no pedaço, dois flamenguistas juramentados e com ideias semelhantes, o que provocou uma bela prosa nos bancos da calçada mais disputada da Rua Formosa. 

E o melhor, os dois não se conheciam e foi uma surpresa para ambos este encontro, eu sempre comentava para um e outro a amizade com eles e era, segundo Motta, um sonho conhecer o velho jornalista Emenegildo Sollon. A dupla, sem combinar ou anunciar, chegou à Campos no mesmo dia e se hospedaram no mesmo prédio, Sollon na minha casa e Motta na residência do mano. 

Fernandinho, ao saber da presença dos dois rubro-negros, foi logo anunciando para a turma, que chegava aos poucos, como sempre. 
- Hoje aqui só vai dar Flamengo.  No que respondeu Dudu, outro flamenguista do pedaço: - Aqui sempre foi e será Flamengo, a arco íris não tem vez no Armazém. 

Foi um dia de grandes novidades,…

Opinião: Por que e para que Dario Conca?

Esta atual diretoria do Flamengo, que pegou o clube quase como uma massa falida e o transformou em um clube rentável, contratou Carlos Eduardo, um ex-jogador, desabilitado para a prática do futebol por uma lesão séria, trouxe Ederson, com uma série de lesões que não o deixam jogar há mais de quatro anos, repatriou Emerson Sheik e Juan, ambos com 37 anos, além de contratar uma série de jogadores, como Fernandinho, Chiquinho, Rodinei e outros mais caros, como Leandro Damião, sem qualidade técnica para envergar a camisa de um time que sonha com títulos importante. 

Ontem, lendo os jornais e assistindo aos programas de televisão, nos canais de esporte, me deparo com o interesse por Conca, um baita jogador em um passado bem recente, ídolo do Fluminense e "dono" da China, onde foi campeão e curte prestígio como poucos jogadores que por lá atuam. Porém, tem sempre um porém, Conca hoje é mais um ex-jogador que procura viver da fama conquistada e me parece que a diretoria rubro-negra …

O medo do vento e o pânico no Maracanã

Estes últimos dias do ano estão sendo chuvosos, provocando enchentes e trazendo problemas para as populações de vários estados, e, por aqui, na minha Campos dos Goytacazes, como é uma planície e próximo ao mar, o vento chega sempre com força e me dá arrepios de medo e me leva a um pânico que não gostaria de ver repetido, sofri muito quando criança vendo minha mãe temer a ventania. 

Eu não tinha tanto pavor como hoje, mas um fato me fez sofrer muito e com isto me colocou o mesmo temor que Dona Lili sentia quando ventava em Miracema. E este medo tem a ver com morte, com destruição e muito pânico no Estádio do Maracanã, no ano de 1971, onde estava para assistir ao clássico Vasco x Botafogo. 

Saí de casa logo após o almoço, por volta da uma da tarde, segui a pé, sob um sol escaldante, para dar tempo de ver a preliminar. Da minha casa, na Rua José Higino, na Tijuca, até ao Maracanã, o trajeto era de no máximo vinte minutos, a pé, e segui caminhando sob o sol e cheguei ao estádio ainda com te…

Hoje tem Real Madrid x América para despertar o dia

Daqui a pouco, oito e meia da "madrugada" tem o segundo jogo semifinal do Mundial de Clubes da Fifa, em Osaka no Japão, e o encontro entre Real Madrid  e América/México definirá quem enfrentará o Kashima Antlers na grande final do domingo. 

Com Cristiano Ronaldo motivado e com um time que quer fazer história, o Real Madrid entra como favorito absoluto e não se pensa em outro resultado que não seja uma vitória Merengue, mas cuidado, futebol é jogado e o lambari é pescado e é preciso jogar sério para se chegar a um objetivo, já dizia meu saudoso pai. 

E por enquanto é só, vou me sentar diante da tevê, em minha poltrona favorita, e aproveitar a chuva e o friozinho que está na cidade de Campos dos Goytacazes e, como ainda é muito cedo para um vinho, vou curtir um suco de abacaxi com biscoito de polvilho. Bom Dia!!!

Atlético Nacional naufraga em gramados japoneses, deu Kashima Antlers

E não deu para o Atlético Nacional, que foi o Brasil no Mundial de Clubes, no Japão,porém, tem sempre um porém, o mais rubro-negro dos times japoneses, Kashima Antlers, foi sufocado durante todo o jogo e definiu a partida em um pênalti, marcado pelos árbitros de vídeo, e com dois gols no final da partida quando os colombianos estavam "pregados" em campo depois de tanta correria em busca do gol de empate. 

Foi um ótimo jogo, os japoneses do Kashima souberam administrar a vantagem, que veio através de uma penalidade máxima quando o Atlético Nacional era infinitamente superior, mas bem organizado defensivamente, saindo em velocidade e aproveitando o nervosismo do time da América do Sul, os asiáticos chegaram aos 3 x 0 depois de se defenderem arduamente e se livrarem do gol de empate em pelo menos quatro grandes chances dos colombianos. 

O Kashima Antlers agora espera o vencedor do jogo Real Madrid x América/México, que será amanhã, oito e meia horário brasileiro, com transmissão …

Joel Santana está de volta

E Joel Santana, o Rei do Rio, está de volta e uma pena não estar em atividade para eu poder voltar a ter dois dedos de prosa com este camarada do bem, um cara alegre e de um astral que dá inveja a muitos treinadores turrões que acham que tem um currículo vencedor. Natalino foi campeão por onde passou e agora está chegando ao Boavista, de Saquarema, contratado pelo João Paulo Magalhães, um dos gestores do clube. 

Com Joel chegam alguns jogadores, para ser sincero, alguns ex-jogadores em atividade, como o zagueiro Renato Silva, o goleiro Felipe e alguns "reforços" que não podem ser considerados, como o zagueiro Gustavo, o Geladeira, que por onde passou não deixou saudades, mas no Verdão de Saquarema teve uma temporada muito boa e quem sabe volte a jogar como antes? 

O novo treinador do Boavista promete até brigar pelo título, coisa comum em se tratando de Joel Santana, mas prometer é uma coisa e cumprir, com este elenco que está sendo formado, só mesmo com mais um milagre do Nat…

Champions League - Sorte do Real e a sina do Arsenal

Ainda ficou uma pendência dos assuntos de ontem, não comentei, propositalmente, o sorteio da fase de mata mata da Champions League da Europa, onde o Real Madri, há muitos anos, tem tido uma sorte de campeão e encontrado sempre um adversário de menor porte para enfrentar nesta fase decisiva da competição, não sei se é sorte ou se o time Merengue tem domínio sobre as bolinhas do globo. 

Nápoli, primeiro colocado do seu grupo, não entendeu o motivo pelo qual o Benfica deixou-se vencer na última rodada, no confronto entre os dois, em Lisboa, e como "presente" enfrentará o Real Madrid todo poderoso da Europa. Já o Barcelona, que não tem sorte com as bolinhas da Uefa, tem pela frente o decadente PSG, que há cinco anos domina o futebol francês e hoje, pós saída de Ihbra e do treinador Lourant Blanc, caiu assustadoramente e não mete medo nem mesmo no setor doméstico. 

E o Arsenal, que é tido como um time sem sorte nos sorteios, confirmou a expectativa e enfrentará, novamente, o Bayern…

Papo de prata e de ouro no primeiro dia de férias

A segunda-feira, primeiro dia de férias do futebol profissional brasileiro, até que teve novidades e a principal delas foi a divulgação dos premiados com a Bola de Prata, criação da Revista Placar que a Espn Brasil adotou e realiza anualmente em sua sede em São Paulo. 

Não chega a ser um luxo como é a Bola de Ouro da Fifa, que por sinal foi realizada também hoje, na Suíça, e Cristiano Ronaldo ganhou o seu terceiro troféu e Messi ficando com o lugar e Griesman, o francês, em terceiro. Sabe Neymar? Foi o quinto melhor.

E, voltando a Bola de Prata digo que não há o questionar, são notas e não votos, computados desde a primeira rodada, dados por jornalistas especializados da emissora e da revista que promovem o concurso, e somente espanto com dois jogadores, ambos do Flamengo, Réver e Arão, que ganharam a Bola de Prata 2016. O primeiro pela sua regularidade e o segundo por ter acumulado boas notas no primeiro turno quando esteve em ótima fase. 

Com a maioria de jogadores do Palmeiras, seis j…

Papo de Bola = Um panorama dos jogos do domingo.

Parece que os quinze dias de folga, para a turma da Série A do Brasileiro, deu gás e ânimo a rapaziada dos dezoito times envolvidos na última rodada da temporada 2016. A tal bolinha do Premiere trabalhou barbaridade na tarde/noite deste domingo anunciando gols em quase todos os jogos, no primeiro tempo só não balançaram as redes nos jogos da dupla Fla/Flu contra Atlético Paranaense e Internacional, os tricolores até abusaram da sorte ao perder uma penalidade máxima, que no meu entendimento não aconteceu. 

Os rebaixados, Figueirense, Santa Cruz, América, levaram gols e não conseguiram fechar o ano com uma vitória. Sport, São Paulo e Santos venceram com facilidade e, a grande partida da tarde, foi lá no Mineirão, com viradas no placar, gols saindo aos montões, Cruzeiro e Corinthians jogando pra valer apesar de não valer quase nada para o dono da casa, apenas para salvar o ano do visitante. 

O campeão Palmeiras parecia que daria mole ao Vitória, que lutava pela fuga da degola, o rubro-negr…

Brasileirão: Domingo de despedida e de tensão colorada

Acaba hoje o Brasileirão 2016 e eu te pergunto: O que ver nestes nove jogos da rodada final? E antes que me diga eu te respondo: Vale a pena ficar de olho no jogo do campeão, Palmeiras, em Salvador, contra o Vitória, pois esta partida poderá definir o rebaixamento do Internacional, que no mesmo horário enfrenta o Fluminense, em Edson Passos, tendo que vencer e "secar" Vitória contra o Figueirense, no Recife, e o rubro-negro baiano, no Barradão. 

E você me diria que o jogo do Flamengo, em Curitiba, contra o Atlético Paranaense, vale alguma coisa. Sim, concordo, mas apenas para o Furacão, que tem que vencer para garantir o lugar na Libertadores, que ele disputa com o Botafogo, que sai para botar a faixa de campeão da Copa do Brasil no Grêmio, e com o Corinthians, que joga fora de casa, no Mineirão, contra o Cruzeiro. 

Como todos os jogos começam às cinco da tarde hoje é dia de fazer milagres com o celular ou computador, o Premiere oferece opções e dá para assistir aos jogos opci…

Quer novidade? Só em 2017 porque por hoje é notícia requentada

E o que temos para hoje além das especulações? Nada, absolutamente nada de novidades, o termo já disse, especulações, e é o que temos para hoje. Não adianta falar aqui que o Flamengo vai investir em jovens valores, que Scarpa promete não ficar no Fluminense na próxima temporada, que o Vasco vai montar um time para ganhar a Série A e que o Botafogo fará bonito na Libertadores, nada é concreto e nada é realidade no momento. 

O que temos para hoje é falar um pouco sobre a última novidade, real, que é a derrota do Internacional nos tribunais, aliás nem podemos considerar uma derrota já que no ponto de vista jurídico não havia possibilidade de vitória e foi mais uma especulação de final de campeonato. Vergonha de uma diretoria de um time vencedor e muito maior do que eles, e a torcida colorada deve estar vermelha de vergonha dos dirigentes que tem. 

Aí, como novidade, vejo o Santos arrumando um time de veteranos, há interesse em Luisão, zagueiro do Benfica, e agora em Robinho, que está no Ga…

Grêmio fica com a Copa do Brasil

Depois de assistir a um grande jogo de bola, Real Madrid 2 x Dortmund 2, quando o time alemão, jogando no Santiago Bernabeu, saiu de um 0x2 para buscar o empate, e conseguiu, de forma espetacular, vi uma homenagem emocionante a Chapecoense, na Arena Grêmio, e depois um jogo fraco, confuso e com uma triste cena de agressões, fugindo completamente do ambiente formado antes do jogo, na decisão da Copa do Brasil. 

Sim, jogo feio e confuso. Sim, jogo sem brilho que pelo menos nos ofereceu um golaço espetacular, o chute de Cazares, do meio campo, consciente, foi algo para guardar e ver novamente a qualquer momento do dia. E foi só, jogo em que os dois times não tentaram o gol, apesar de Victor ter brilhado em duas oportunidades e salvado o Galo da derrota, jogo em que o resultado mais justo seria o empate e como veio com dois gols, um para cada lado, ficou melhor. 

O Grêmio ficou com o título e vai para Libertadores e Renato Gaúcho, mais uma vez, sai de campo como o grande herói tricolor, com…

Hoje tem mais Liga dos Campeões e é dia de CR7

Nos jogos em que não acreditava que fossem ficar "pegados" e que seriam apenas amistosos, na tarde/noite, aqui no Brasil, e na noite de Europa, valendo pela Champions League, até que a bola teimou em entrar nas redes e em oito jogos realizados pela última rodada da fase de grupos aconteceram nada mais do que 25 gols, o que dá uma média de mais de três gols por partida. 

Escolhi Benfica x Nápoli para assistir, não me arrependi porque foi um jogo disputado, principalmente antes dos dois saberem que o Dínamo goleava o Besiktas lá em Kiev e dava a classificação aos dois no Grupo B, aliás o time português e sério candidato a levar uma tunda nos dois jogos do primeiro mata mata, é fraco demais, perdeu em casa para o time italiano e merecia até levar uma surra. 

No mais tudo normal, exceto o empate do PSG, que a cada dia está caindo mais de rendimento, nem parece aquele timaço da temporada passada, o tri-campeão francês empatou, em casa, contra o novato Ludogorets (2x2) e sempre este…

Copa do Brasil: Grêmio e Atlético decidem em Porto Alegre

E a torcida do Galo leva o canto "eu acredito" para as arquibancadas da Arena Grêmio, para os bares e para as poltronas de todo o Brasil. O Atlético Mineiro confia na virada, perdeu o primeiro jogo por 3x1 e precisa fazer um resultado com dois gols de diferença para decidir nos pênaltis e três para ficar com o título da Copa do Brasil sobre o Grêmio, logo mais, e Porto Alegre, naquele horário global, ou seja, quinze para às dez da noite. 

A CBF promete dezenas de homenagens a Chapecoense, é o primeiro jogo no país após a tragédia da Colômbia, e o tom do pré jogo é de emoção forte e de muitas lembranças tristes tanto de jogadores como de cada um do torcedor brasileiro, mas na hora que a bola rolar eu garanto que não haverá lembranças ruins ou positivas e cada um vai pensar apenas no título após noventa minutos da segunda partida da decisão da Copa do Brasil. 

Favorito? Sim. O Grêmio tem meu favoritismo para a conquista do título, a vantagem é grande e para o jogo até apostaria …

Com jogos "amistosos" a Champions League fecha a fase de grupos

A Champions League, sempre tão interessante, não nos oferece esta tarde, nem amanhã, jogos daqueles que chamamos de "imperdíveis". O que temos hoje é o reflexo do aumento exagerado de clubes, passou para 32 para atender a vontade política dos dirigentes da Uefa, e por isto há este desequilíbrio e este desnível técnico que nos faz passar ao lardo da última rodada da fase de grupos. 

Um bom  jogo seria Barcelona x Borussia M'Gladbach, mas foi esvaziado pela classificação antecipada do Barça e da eliminação precoce do time alemão, mas é o jogo principal do EI Maxx logo mais, às 17:45h, No canal opcional, EI Maxx 2, tem um jogo de nível médio, que deve ser o preferido de muitos pois vale alguma coisa, Benfica x Nápoli, em Lisboa e aqui, quem vencer pode seguir em frente na competição. 

Dois times bons de ver nesta tarde, mas não estão nos canais que transmitirão pela TV e sim pelos espaços opcionais, tipo tablet, smartphone e computadores, jogam partidas decisivas, o PSG, em P…

Papo de Bola - Voltando a rotina

Recomeça hoje, uma semana após a tragédia da Colômbia, o noticiário do futebol brasileiro, que durante este período de luto e tristeza ficamos sabendo de pouca coisa e tivemos muitas especulações, como a de não haver rodada no final de semana que vem, a última do Brasileirão, e sobre transferências ou renovações para a próxima temporada. 

Poucas novidades no front futebolístico, só as três trocas de treinadores, Cuca x Eduardo Batista, Levir x Abel Braga e Marcelo x Roger, que no meu ponto de vista não muda nada nos dois últimos, mas no Palmeiras a mudança foi radical e a entrada de Batista, se mantiver o desmanche do elenco, pode ter vida curta no Verdão. 

Na quarta-feira tem o segundo jogo da final da Copa do Brasil e decisão é sempre decisão, dizem os entendidos no assunto, mas que o Grêmio tem a faca e o queijo nas mãos, saudade do Rui Porto, isto é uma séria realidade. Um empate dá ao tricolor gaúcho o título e o Galo precisa reverter o placar do Mineirão, não tem gol privilegiado,…

Domingo nublado, triste e sem futebol nível A

O domingo acordou triste, nublado, com um pouco de chuva, e, repetindo o filósofo, não chove, é Deus chorando a morte de Bruno Rangel, que está sendo velado na Câmara de Vereadores de Campos dos Goytcazes, e o domingo começa com a cara de um domingo de inverno, mas sem futebol ou uma outra opção qualquer para o pobre mortal. 

Hoje eu tive que buscar ajuda para dar dicas sobre o que ver na telinha da tevê, não mentalizei e nem mesmo consegui abrir a grade das tevês pagas, que exibem futebol aos borbotões, para descobri algo para passar o tempo, o domingo promete me prender em casa, e descobri que tem um jogo do Milan, pelo Campeonato Italiano, às nove e meia, contra o poderoso Cretone, dispensei e fui olhar a relação do guia Doentes Por Futebol, e ficou complicado, no meio de semana tem jogos da Champions League da Uefa e todos os grandes europeus jogaram sexta e sábado. 

Assim, infelizmente, a solução é procurar um bom filme, gravei dois durante a semana para aproveitar nas férias e vou…

Lágrimas em Chapecó, frustração em Manchester e empate no El Clássico

Emocionante a despedida dos jogadores da Chapecoense, aliás de toda a delegação do Furacão do Oeste Catarinense, que estavam na trágica noite em Medellin, na Colômbia. Vi um pouco, me emocionei demais com o que assistia e optei por continuar assistindo aos jogos dos campeonatos europeus, principalmente a espetacular vitória do Chelsea, de virada, sobre o City, em Manchester, com ótima atuação do artilheiro Diego Costa, autor do gol de empate e autor do passe para Wilian virar o jogo na casa dos rivais na vitória por 3x1 dos líderes de Premiere League. 

Enquanto se discutia se Marco Polo Del Nero, presidente da CBF, estava ou não na Arena Condá, a Tv não mostrava a sua figura, as câmaras das emissoras brasileiras rodavam pelo Presidente Infantino, da Fifa, por Seedord e Puyol, dois convidados ilustras da Fifa, e procurava também o Presidente da República, Michel Temer, que teve o bom senso de comparecer ao funeral. 

E enquanto o Brasil se emocionava com as solenidades em Chapecó eu, prov…

Sem futebol no Brasil a boa é ver dois clássicos europeus

Hoje é dia de clássicos pela Europa, principalmente dois dos maiores do continente, o primeiro já está rolando a bola, em Manchester, na Inglaterra, onde o City recebe o Chelsea em jogo que vale a liderança do Campeonato Inglês, e o outro dispensa qualquer adjetivo ou comentário, às 13:15h, Barcelona x Real Madrid, na capital catalã. 

Vale ou não o sábado de futebol na telinha, que não terá jogos do Brasileirão neste final de semana? Claro, quem gosta de um jogo de bola de alto nível vai se ligar, afinal estarão em campo, tanto em Manchester quanto em Barcelona, os melhores craques do nosso planeta bola, Messi x Cristiano Ronaldo, na Espanha, Aguero x Hazard na Inglaterra, briga de cachorro grande, como diria o Velho Apolo Washington Rodrigues. 

Claro que o sábado não é todo alegre, acontece durante todo o dia o velório coletivo em Chapecó, das vítimas do trágico acidente aéreo que matou praticamente todo o time e comissão técnica da Chapecoense, mas a vida continua e a bola tem que rol…

Opinião: Chegou a hora do grito de liberdade

Convido os notáveis para um debate interessante, que me veio a cabeça após esta série de polêmicas envolvendo Internacional, queria jogar domingo e a declaração, infeliz, do seu dirigente Fernando Carvalho. Tem a declaração de vários jogadores, que começou com a recusa do Atlético Mineiro em enfrentar a Chapecoense, justa por sinal, e desencadeou uma série de recusas, de dezenas de jogadores brasileiros, que também não querem jogar a última e decisiva, só para o rebaixamento, do Brasileirão 2017. 

E agora, para minha surpresa, o Internacional, através de seu presidente, diz que não pretende jogar a última rodada, porém, tem sempre um porém, conforme publicação do diário Lance! o mandatário se esquivou em falar se aceita ou não a Série B ou se vai continuar brigando no tribunal para descer o Vitóris/BA. O panorama está ficando complicado para a CBF, que terá que ajeitar o "meio campo" para organizar este final trágico de Campeonato Brasileiro de Futebol e a entidade me parece …

Medellín fez o brasileiro se sentir abençoado

Os dias que se sucederam a tragédia de Medellin, onde caiu o avião que levava a Chapecoense para a final da Sul Americana, foram duros demais e ontem, à noite, no horário que seria travada a primeira partida da final, o clima mudou totalmente, a homenagem da torcida colombiana, liderada pelo presidente do Atlético Nacional, me deixaram a certeza de que o mundo é bom, a paz pode existir e a amizade entre torcidas e povos é algo que ainda nos pode proporcionar conforto e paz de espírito. 

Linda a "festa" no Estádio Atanásio Giradot, sim uma festa em homenagem as vítimas do voo trágico, o que a torcida colombiana fez será tão inesquecível como  uma festa de bodas ou de quinze anos de algum torcedor que critica neste momento o termo usado por mim. Nasceu ali uma amizade eterna e nasceu no mundo um sentimento de amor a Associação Chapecoense de Futebol que jamais imaginávamos nascer por um clube brasileiro. 

Não vou me alongar, tenho medo de me perder nas palavras, tenho medo de me…